7 cuidados com a saúde bucal da criança ao idoso

Dentist smiling while examining patient in clinic

Cuidar da saúde bucal é um processo diário e que deve fazer parte da nossa vida desde a infância até a terceira idade. Cada fase exige cuidados mais específicos, mas todas precisam ter uma atenção especial para manter o sorriso em dia.

Pensando nisso, listamos alguns cuidados indispensáveis para ter dentes lindos e saudáveis a vida toda! Continue a leitura para conferir. 

Cuidados com a saúde bucal para a vida toda!

  1. Escovação correta deve começar cedo

Os cuidados bucais devem começar cedo: mesmo sem dentes, os papais já podem fazer uma higienização da gengiva e da língua dos bebês com uma gaze umedecida. Essa limpeza é essencial para evitar infecções e reflete muito positivamente na saúde bucal ao longo do crescimento da criança.

Assim que os dentes de leite nascerem, é hora de iniciar a escovação com uma escova macia e creme dental adequado. A partir daí, as dicas valem para toda a vida: escovar os dentes ao menos 3 vezes ao dia, sem esquecer do fio dental e também da escovação lingual. 

  1. Alimentação saudável a vida toda

A alimentação reflete diretamente na saúde bucal, por isso manter uma dieta saudável é um passo fundamental que deve ser incentivado desde a introdução alimentar até a terceira idade. Cada fase com seus devidos cuidados.

Para as crianças, por exemplo, escolher os nutrientes corretos é muito importante para garantir um crescimento saudável. Já na terceira idade, incluir alimentos que reforcem algumas vitaminas e podem combater doenças comuns dessa fase é essencial. Uma casa de repouso especializada em manter a atividade dos idosos pode ser uma excelente opção nessa fase da vida

  1. Cuidados com aparelho ortodôntico

Com o nascimento dos dentes permanentes, é comum observar problemas de má oclusão, como dentes desalinhados ou apinhados e mordida cruzada, por exemplo. Isso pode ser consequência de vários fatores, mas na maioria dos casos o uso de aparelho ortodôntico ajuda a corrigir a posição dos dentes.

O que muita gente não sabe é que hoje é possível conquistar dentes mais alinhados e corrigir problemas ortodônticos de maneira muito mais prática, rápida e confortável em qualquer idade. O Invisalign é um dos aparelhos mais avançados neste quesito: são alinhadores transparentes removíveis, personalizados para se encaixar totalmente ao seu sorriso! 

O modelo ainda conta com uma versão especial para os pequenos, o Invisalign First, que pode ser utilizado a partir dos 6 anos sem afetar a rotina das crianças. 

  1. Estresse pode causar problemas dentais

Você já deve saber que a saúde física pode gerar problemas bucais, mas sabia que a saúde mental também pode afetar a saúde bucal? O estresse e a ansiedade, por exemplo, são um dos grandes causadores do bruxismo, uma doença em que o paciente range ou bate os dentes involuntariamente, podendo gerar dores de cabeça, no maxilar e desgaste dos dentes.

Aftas, gengivite, redução na produção de saliva e até mesmo as cáries podem ser uma consequência do estresse e da falta de cuidados bucais adequados, por isso lembre-se também de dar uma atenção especial para a sua saúde mental.

  1. Higienização correta de implantes e dentaduras

Ao longo da vida a perda de dentes pode ser um problema, seja por um acidente, uma condição genética ou pela falta de cuidados bucais adequados. A boa notícia é que é possível substituir os dentes perdidos por implantes dentários e assim restabelecer o sorriso de maneira natural. 

Na terceira idade, essa perda é ainda mais comum e o uso de implantes ou dentaduras pode ser necessário, mas é importante ressaltar que os cuidados com essas próteses deve ser o mesmo do que os tomados com os dentes naturais. Além da escovação, manusear a prótese com cuidado e armazená-la corretamente quando não estiver usando. 

  1. Beber água é essencial para a saúde bucal

Manter-se hidratado é fundamental para o organismo, mas muita gente desconhece a importância da água para a saúde bucal: o simples ato de beber água ajuda a produzir mais saliva e, consequentemente, combate a proliferação de bactérias na boca.

A produção de saliva pode ser prejudicada ao longo da vida, principalmente na terceira idade, devido ao uso de medicamentos. Neste contexto, beber água é mais um passo indispensável da higiene bucal para idosos.

  1. Visitas periódicas ao dentista para todas as idades

As visitas periódicas ao dentista devem fazer parte de todas as fases da vida. Assim que os primeiros dentes nascerem, os papais já podem começar as consultas para saber como realizar a higienização corretamente e para identificar possíveis problemas.

Ao longo da vida, as consultas devem acontecer a cada 6 meses. Nelas, o dentista vai fazer uma avaliação da saúde bucal e também poderá realizar uma limpeza para eliminar placas bacterianas que podem formar o tártaro. 

Este texto foi produzido pela equipe da Agência Aláfia. No site da agência você encontra conteúdos sobre marketing digital, tecnologia e dicas incríveis para aumentar as vendas do seu negócio!

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*