Entradas no cabelo masculino: é possível tratar

É comum ouvir piadas sobre calvície. Esse fenômeno ocorre especialmente entre homens na idade adulta, período em que parte deles começa a apresentar entradas no cabelo — algumas suaves e outras mais acentuadas.

Muita gente acredita que essas entradas são um sinal de que a calvície está chegando. Porém, nem sempre isso é verdade, continue a leitura do artigo e entenda, realmente, o motivo por trás disso. 

Na infância e na adolescência, o cabelo apresenta contornos bem definidos, que passam a ficar mais discretos ao longo da vida adulta, a partir do aumento dos níveis de testosterona e outros hormônios.

Você está preocupado porque percebeu entradas no seu cabelo e não sabe se isso significa que você vai ficar careca? Veja porque esse fenômeno acontece e como é possível tratá-lo antes de buscar o melhor suplemento capilar masculino para você!

Conheça as principais causas 

Essas entradas no couro cabeludo são um processo natural que se intensifica com o envelhecimento. Isso não significa que você necessariamente vai ficar careca — isso depende de outros fatores, como a genética e o histórico familiar. 

Ou seja: ter carecas na sua família é um sinal mais evidente de que você pode se tornar calvo do que ter entradas no couro cabeludo. A calvície genética pode atingir até 40% das mulheres e 85% dos homens.

Outro fator que é importante notar é se ocorre a queda excessiva dos fios, especialmente durante o banho. Fios de cabelo prestes a cair e que apresentam mudanças na textura também podem ser sinais de começo da calvície. 

Vale lembrar que essas entradas não ocorrem na mesma intensidade dos dois lados da cabeça. Na maioria dos casos, um lado possui entradas mais evidentes do que o outro. Outros fatores que podem originar essas entradas são: 

  • Experiência de traumas (como queimaduras e acidentes);
  • Cirurgias plásticas ou feitas para a retirada de tumores;
  • Transplante capilar;
  • Cirurgias plásticas faciais.

Ou seja, é sempre bom ficar de olho e, se achar necessário, procurar um especialista da área em questão.

Veja como tratar as entradas capilares

É importante ressaltar que o tratamento para entradas no cabelo depende de intensidade, causa e extensão. Condições genéticas costumam ser definitivas, mas a maioria dos casos pode ser reversível.

Uma solução mais simples são os suplementos capilares (condicionadores e shampoos específicos). Adiar o surgimento dessas entradas é possível com a adoção de medicamentos prescritos por médicos, como antiandrogênicos e vasodilatadores.

Vale lembrar que quanto mais visíveis estão as entradas, mais difícil pode ser reverter esse quadro. Por isso, é essencial procurar um(a) médico(a) para avaliar a sua situação e indicar o tratamento mais adequado, considerando o seu histórico familiar e intensidade. 

Outros caminhos possíveis além da medicação são sessões de tratamento em clínicas dermatológicas que estimulam a recuperação dos fios de cabelo sem a necessidade de operar.

As entradas provocadas pelo desenvolvimento (transição de infância para adolescência e, então, para a vida adulta) são naturais. Porém, se você se incomoda, existem intervenções cirúrgicas que reconstroem essas entradas. 

A cirurgia também é indicada para quem teve queimadura e cicatrizes por trauma. O desenvolvimento tecnológico permitiu a criação de tratamentos como o microagulhamento e a microinfusão de medicamentos (MMP).

É importante lembrar que, como qualquer outro tratamento, qualquer que seja a opção escolhida vai precisar de paciência, já que os resultados começam a aparecer de forma mais evidente somente alguns poucos meses depois. 

Além disso, quem adota o tratamento precisa seguir com disciplina as medicações e sessões dos procedimentos indicados pelo dermatologista. 

Passe por uma avaliação médica antes de optar por qualquer tratamento e deixe um profissional analisar o seu histórico familiar e fatores de risco antes de adotar algum.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*