Exercícios físicos desenvolvidos para a terceira idade

A idade chega para todos, por isso, é preciso ter em mente que devemos cuidar do corpo, com alimentação saudável, e evitar o sedentarismo de forma constante, praticando exercícios físicos, desde as mais simples, como caminhadas, até as mais complexas.

Quando possível, com o acompanhamento de um profissional da área de educação física e a inscrição em uma academia de ginástica, com equipamentos para exercícios, que atuam de forma contundente, tanto na parte aeróbica, quanto na parte muscular.

Mas nem sempre os afazeres do dia a dia permitem encaixar estas atividades na agenda.

Para aqueles que não conseguiram fugir do sedentarismo, por diversas razões que a vida apresenta, é importante ter um acompanhamento médico quando chega à terceira idade.

Não é impossível ter um uma vida longe dos remédios, basta procurar se ocupar com atividades que melhorem o condicionamento fisico, logo, melhorando a qualidade de vida.

Atividades para ajudar no dia a dia

Pode ser a prática simples em um simulador de caminhada, disponível em um ambiente climatizado, para que as dores dos membros inferiores desapareçam, e a disposição seja recuperada.

Isto pode ocorrer em espaços dedicados, que atendam de forma correta pessoas que queiram praticar exercícios condizentes com a idade, sem prejudicar a musculatura, respeitando toda a estrutura óssea. Para atender às pessoas idosas, empreendedores têm investido na academia para terceira idade.

Essa academia reúne profissionais especializados em geriatria, para poder atender de forma correta as pessoas que querem praticar uma atividade física, sem prejudicar o corpo, e ainda fortalecer os músculos e aumentar a resistência física.

A parte da mente também se fortalece, ajudando nas tarefas do dia a dia, e permitindo que os neurônios sejam ativados de forma positiva, evitando doenças ligadas ao psicológico, afastando a possibilidade de mal de parkinson e alzheimer.

Em ambientes apropriados, como a creche para idosos, é possível encontrar profissionais que estimulam as pessoas a praticar atividades físicas, que podem ser realizadas, independente da idade.

Este estímulo provoca uma sensação de liberdade, com a liberação de dopamina, alterando diversos sistemas do corpo humano, dando mais prazer na prática de exercícios físicos. os neurotransmissores são afetados de forma positiva, fazendo com que o cérebro seja acionado, revitalizando áreas antes prejudicadas, podendo até mesmo ficar livre de alguns medicamentos. Ou pelo menos diminuir as doses.

Outro exercício muito comum para pessoas mais velhas, e que é bastante indicado por não impactar na musculatura corporal, é a hidroginástica para terceira idade. Praticada dentro de uma piscina, a água funciona como um calmante, e as atividades praticadas ajudam na coordenação motora e na melhoria da flexibilidade de todo o corpo humano.

Muitos outros benefícios podem ser observados na prática da hidroginástica, que praticados na terceira idade, justificam ainda mais para que sejam disponibilizados em locais que concentram pessoas com estas características:

  • melhora da circulação sanguínea e bombeamento do coração;
  • melhora da respiração, com fortalecimento do pulmão;
  • os músculos ficam mais rígidos, evitando torções;
  • as articulações se fortalecem.

Como cada corpo reage de uma forma, é preciso que tenha um acompanhamento médico para a realização de qualquer atividade física. Mas praticar atividades físicas, mesmo na terceira idade, ajuda no metabolismo, evitando sobrepeso e doenças respiratórias.

A alimentação saudável, e evitar vícios como cigarro e bebidas alcoólicas, também ajuda a ter uma vida mais longa, com saúde em dia e na diminuição de uso de remédios.

Mantendo a coluna ereta

Com a chegada da terceira idade, muitas pessoas sofrem dores de coluna, muitas vezes por causa da posição que sempre se sentaram, sem se importar com a disposição de mesas e cadeiras, ou mesmo por esforço físico repetitivo, acumulado por ano após ano, em escritórios ou fábricas, ao longo da vida profissional.

Para evitar operações cirúrgicas, que podem se complicar com a idade avançada, exercícios para coluna podem ser indicados. A natação é uma prática esportiva que ajuda muito, não apenas para manter a coluna em ordem, mas um dos mais completos para todo o corpo, pois trabalha braços, pernas, respiração e mente.

Indicado para aumentar a auto estima, outro exercício físico que não requer espaços dedicados, equipamentos de última geração, e que ajuda no fortalecimento de todo o corpo, é o pilates para coluna. Para evitar qualquer tipo de problema, o acompanhamento de um professor é ideal, para que os exercícios sejam praticados de acordo com a flexibilidade pessoal.

Todos os exercícios, quando realizados de forma que respeitem os limites do corpo, podem ser praticados por todas as idades. O importante é fugir do sedentarismo e ter uma vida mais saudável, prolongando a vida, na companhia da família e amigos.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*